segunda-feira, dezembro 22, 2008

necessidades vontade, necessidade desejo

Situações

As vezes acredito estar seguindo a razão e me torno uma maquina de construir desastres. Outras sigo a intuição... e não é muito diferente.

Tento alcançar um equilibrio entre o que me trará realização, mas primeiro preciso entender o que é realização para mim. É ter uma familia estruturada, papai, mamãe filhinho, gato, cachorro, periquito? Alguns dias sim. É ter uma carreira sólida e ser uma mulher de negócios, com prestigio, reconhecimento e principalmente conhecimento de causa? Sim. Onde estará o tão sonhado equilibrio, que não é exigido pela sociedade, é exigido por mim. Se por um lado não quero esperar os 40 pra ser mãe, contando com a genética e a alta tecnologia desenvolvida atraves dos anos, também não qeuro me tornar uma parideira sem causa (sem ofender, acho maravilhoso quem pode ser mãe e só mãe).

Uma antiga colega dizia que tinha raiva das mulheres que queimaram sutiens, pois nos tiraram o direito de cuidar da casa e dos filhos e deixar que o homem da casa nos provesse. Não acredito que toda mulher queira ser CEO de uma multinacional, mas qual o problema em querermos achar o equilibrio entre as duas coisas?

Quero as duas coisas, estou tentando entender como isso funciona. Será possivel?

Nenhum comentário: