quinta-feira, dezembro 14, 2006

domingo, dezembro 10, 2006

rato meu querido rato eu que sou assim de fino trato...

Adoro ser star. Já tentaram me tirar esse prazer e eu mais que rápido pulei fora de uma relação falida, felizmente o amor de minha existencia respeita meu prazer existencial maior rsrs
Cada vez que respeito aos meus sentimentos respeito tambem quem está comigo, assuntos polemicos tambem tem que ser negociados, com muito respeito entre as partes rsrsr
Hoje sou uma privilegiada, faço minahs peças, to na segunda faculdade, trabalho, faço todos os meu exercicios fisioterápicos pra todas as minhas dores por forçar demais meu corpo, me divirto e ainda consigo pagar a empregada pra dar um jeito na minha bagunça, pra quem não sabe sou um desastre mesmo com organização, não sei quando tomarei jeito, mas então, o melhor de tudo isso é me sentir amada e respeitada, lógico que as diferenças aparecem, lógico que tem coisas que nem a philco faz pra voce, mas sou amada, sei qeu de noite fico em conchinha e me sinto a amis protegida da face da terra, e que nossos sonhos serão só nossos, os motivos e detalhes tambem. rato meu querido rato eu que sou assim de fino trato pra selar ese contrato.....

terça-feira, novembro 21, 2006

ser interessante

Minha vida toda lutei para ser interessante. Sempre quis ser popular, sempre quis ser amada e nunca vi nenhum mal nisso. Hoje parei de sofrer pois completando um ano de orkut não tenho nem 300 posts, tenho um blog que ninguem lê, voltei a faculdade pra buscar um documento e uma professora que adorava não me recordava depois de uma ano sem aulas, faço um milhão de coisas mas não sou essencial na maioria delas. Entendi que somos completamente substituíveis mas mesmo assim não esqueci de amar. Não pretendo me lamentar, já estou amadurecendo a idéia, pessoas interessantes passaram na minha vida, será que eu fiquei em alguma delas?
Meus cabelos vermelhos, minha disponibilidade minha preguiça. SOu completamente transparente, tão transparente que me olham e não me vêem.
E cada palavra que escrevo não tenho certeza de nada que pensei, apenas penso se escrevi certo pois ainda não aprendi como escrever certeza, geito, quis, será que tenho que descobrir ainda o que significam?

sábado, novembro 11, 2006

solidão

O sentido da palavra solidão... penso, penso mais um pouco e não chego a nenhuma conclusão. Sei que dá vonta de de fumar, só pelo prazer de se sentir acompanhada. Sei que dá vontade de vomitar tudo aquilo que comi, de dor. Sei tambem que nada que eu faça nesse instante consegue preencher esse vazio. Sei que não conseguirei estudar tudo aquilo qeu preciso, pois minha cabeça estará ocupada demais com explicações a mim mesma. Sei qeu dá vontade de fugir, mas não tem pra onde. Cansei de tentar ser sexy, inteligente, moderna, romantica e tudo mais um pouco que não tenho conseguido ser. Sei que me afundar não leva a nada, mas sei, masi ainda que fingir que está tudo bem faz mais mal do que posso imaginar.
Gosto tanto de mim, ou pelo menos o suficiente pra acreditar que as coisas que faço valem a pena.
Meus cabelos ainda mais vermelhos contrastam com minha pele clara. E me sinto só isso.

terça-feira, outubro 31, 2006

sou um desatre ambulante. tenho hernia, dor nos braço, enxaqueca, quebro tudo por onde passo, falo o que não deve em hora errada e não consigo falar o certo qunado preciso. na ansia de ser mais, me torno menos, e tentando ser menos consigo. qual é a missão? que fazer?

sábado, setembro 30, 2006

Mais uma taça vai??? só uma!

Como é bom tomar uma bom vinho! agora tomo a ultima taça que o Edu deixou de Sunrise - merlot, qeu o Du deixou a duras penas : "depois voce fica passada" hehe, é muito bom relaxar no sabado a noite depois de muito tempo de ensaios e minha festa de aniversario, que a propósito foi semana passada e teve gente amada por lá. A maionese da sogra continua fazendo sucesso. Sou feliz, embora ainda precise de umas 40 horas a mais na semana. Sou feliz, por amar meu marido e ter certeza da escolha que fiz, afinal, não podia ser mais perfeito, ou como diria ele,: "como voce é dificil de conviver!", é por isso que nos amamos tanto, por sermos tão dificeis e por isso nos completarmos, afinal iria ser tão insuportavel ter uma pessoa amena ao meu lado hehe. aiai acho que vou negociar a ultima taça :D afinal o vinho não acabou, eu é que já bebi demais pro meu tamanho :DDDDD

quarta-feira, setembro 20, 2006

segunda-feira, setembro 18, 2006

não hé um dia da minha vida em que eu não pense na morte. a vida afinal é tão estupida e sem razão que as vezes me pego tentando entender o sentido de estar viva, de batalhar todo dia, de brigar pra que as coisas melhorem, alias, tem coisa mias estupida do que brigar pra ficar em paz.
qual a razao de tudo isso? tanta gente sofrendo e brigando quando deviam se amar e respeitar. o que eu vim fazer aqui afinal? o que?
espero que seja realmente importante, se não não volto mais.

"sei que há contas a pagar
e ha razões pra terminar
a semana toda ficou para tras
ela tem trabalhado demais"
Ludov

quinta-feira, agosto 17, 2006

Prateleiras pregos e pó...

Fui invadida por uma mudança, aliás muitas mudanças juntas.
Mudei de casa e novos ares me invadiram, junto com os ácaros levantados por muitas coisas guardadas a tempos que não tenho coragem de me desfazer.
Aqueles velhos diários que só servem pra dar risada, ms que dá um remorso danado de jogar no lixo, afinal é uma parte da minha história, e serve sempre pra lembrar de como era e em que me transformei, e por incrivel que pareça, cresci muito nestes anos (não vale piadinha com a altura vai).
Voltei pra Faculdade, de uma forma meio torta, mas vai ser bom discutir com outras pessoas desta vez heheh.
E o Edu, lindo, tentando botar tudo em ordem, prateleiras em todos os cantos para caber tudo quanto é coisa.
Abrimos prateleiras dentro da gente e vamos guardando de tudo um pouco que passamos.
Toda mudança é boa, até mesmo quando quebramos alguns cristais no caminho.

terça-feira, agosto 01, 2006

Desculpem minha distração absurda, HHHHilariante (se houver mais algum me avisem ok?) :)

libertar-se

Não existe sensação mais ilariante no mundo do que se libertar!!!
Sabe quando por acaso voce encontra um fantasma e descobre que ele já não lhe causa medo, angustia, pena, nada?
É tão bom!!!!!!!!
Fica uma coisa gostosa, de lembrança boa de tudo o que passou, e é isso passou... to besta com isso!
Como seria bom se isso se repetisse todos os dias, assim as coisas seriam mais leves e as flores poderiam exalar mais seu perfume pela primavera....KKK tá bom, tá ficando brega demais... fazer o que se é assim que me sinto?

sexta-feira, julho 07, 2006

run Lola run

Tem dias em que tudo está em paz, agora todos os dias são iguais...
Quando tudo parece que está se acertando vem um turbilhão e acaba comigo. Amo o Eduardo e estar com ele é tudo que preciso na maior parte do tempo, mas não posso sobrecarrega-lo e pedir que me salve sempre. Embora ele sempre me salve.
Falta grana e me falta alguma coisa que me faça acreditar que estou no caminho certo. Não sei se devo continuar a viver cada dia e aprender a esperar e ter esperança, se faço uma outra faculdade, se invisto em um nicho da minha carreira, sinceramente estou em duvida do que vale a pena profissionalmente no momento. As vezes vejo portas abrirem e fecharem na minha frente e fico revoltada, mas me conformo em ter algo ainda em que me sustentar.
Imagino que estou preparada pra fazer algo com maestria e na verdade vejo que esse algo não é para mim.
Fico aqui com meu St. Remy, tentando relaxar e esquecer mais uma rodada, buscando as alternativas viaveis pra me levantar moralmente.
Ninguem nunca está disposto a ajudar de verdade e as vezes qeu tento fazer algo de bom por alguem faço tudo errado como sempre...
me sinto como a menina que tudo qeu tocava virava ouro...

segunda-feira, junho 19, 2006



Desculpa se meu blog tá mais pra flog... mais olha isso heheh

sábado, maio 27, 2006

olha só que coisa mais linda


esse são os doces da vovó heheh a vovó mais coruja do pedaço
DÁ LICENÇA!

quinta-feira, maio 18, 2006

Minha familia cresceuuuuuu auauau

eramos quatro agora somos onze. Isso mesmo ONZE. A Raica entrou em trabalho de parto essa matina, cinco da manhã acordo aos berros do pimeiro filhote, depois de muito desespero e varias ligações infrutiferas à veterinária, duas horas depois continuaram a chegar, ao total nasceram sete, com um intervalo de uma hora mais ou menos cada um, LINDOS.
Logo trago fotos do parto e deles já lindoes.

sábado, abril 29, 2006

O que você faz pra não ser assaltado?

Bom de cara, tranco as portas, fecho as janelas, almento os muros e tento jamais chamar muito atenção, se é que é possivel com meu cabelo vermelho-chapinha-reluzente...
Mas o que fazemos de verdade pra evitar que uma criança linda com cara de joelho se torne assaltante assassino ou sei lá mais o que? será que só se encarcerar é o canal? será que entulhar gente em celas apertadas e mofadas fará de alguem uma pessoa mais conciente, com medo de voltar pra lá? o que fazer pra acabar com essa desigualdade, com essa humilhação diária de ser brasileiro e não desistir nunca?
As perguntas mais importantes da nossa vida costumam não ter respostas. Ser ou não ser, eis a questão... qual o meu lugar nesse mundo se eu não acreditar num céu imaginário, onde as pessoas boazinhas vão se encontrar e as mazinhas vão queimar pra sempre, onde estará o juiz dessa merda toda que temos que engolir?
Me doi sim ver tudo isso. Me doi sim, ver uma criança que era meu aluno no sinaleiro pedindo pra limpar o vidro domeu carro. Me doi sim, ter medo de um bando de moleques que, por ter mais medo do mundo que eu, acaba cometendo as maiores atrocidades imaginadas.
Não to dizendo que só quem tem "condições" é que é filha da puta não, to dizendo é que o abismo que se coloca entre a gente é que faz com que cada vez mais eu me preocupe com as travas de casa, ou então que eu ache normal traficarem na minha esquina, afinal, em area de traficante os manos não querem confusão.
Doi sim... dói sim.

sexta-feira, abril 21, 2006

Viciada em Sex end the City

Tá tudo bem admito... estou sim viciada e enquanto não alugar todos os dvds e conhecer a história inteira eu não descanço... mas por que sentimos isso? (heheh vou dar uma de Carri)
Bom, acho que temos sempre o desejo de sermos auto suficientes, intelegentes e experts em sexo, mas no fundo ainda queremos o "principe encantado", as vezes encontramos, como eu achei o meu, ai descobrimos que temos que ser muito mais que humanas pra tudo dar certo, cara, é humanamente impossivel trabalhar o dia todo, voltar de onibus se equilibrando no salto e ter disposição pra fazer qualquer coisa a não ser tomar um banho, e se refestelar no sofá, pedindo carinho, lógico.
MAs, voltando a vida real, tem a louça pra lavar, as roupas pra lavar e a vida que continua "com alguma explicação".
BOm agora to cuma preguiça danada, e vou azer limonada suiça para alegrar meu amor e agradecer todo o carinho que ele me dá, como toda boa mulher, que sabe a hora de ser um tantinho de Amélia.

quarta-feira, abril 12, 2006

Fim do Mundo!!!!!!!!!!!

Teoria do Fim dos Tempos


Dizem os médicos que as mulheres que convivem em um mesmo ambiente por tempo prolongado tem a tendência a equiparar os ciclos menstruais por causa da competição hormonal. Isso, a longo prazo significa que todas as mulheres do mundo uma hora ou outra irão ficar menstruadas ao mesmo tempo. Donde dedus-se que: todas as mulheres do mundo terão TPM ao mesmo tempo uma semana inteira.... Isso só quer dizer uma coisa, o Fim do Mundo virá, o que nos salva é a pílula, que nos mantêm afastadas dessa bomba relógio, pelo menos por enquanto.

terça-feira, abril 11, 2006

Diz pra Maria que ela é linda!!!

Lógico que meu ego ficou inflado quando cheguei pra segunda apresentação da PAixão dos Desvalidos e escutei um colega falar: Minha mãe pediu pra te dizer que MAria é linda, parecia mesmo a Santa em cena...
Hehehe,. de alguma forma tem que ser né? O negócio é que domingo minha atuação foi boa, em compensação parece que muita coisa desandou. O que faço pouco interfere no trabalho do restante do elenco, estou ficando especialista em fazer solilóquios, e isso não me deixa feliz. O mais importante no teatro é o jogo, mas infelizmente escutei a frase: Teatro se faz de egos. Particularmente espero que meu ego não esteja a frente do meu trabalho, pois isso não me permitiria ser generosa e sê-lo em cena é o que mais desejo. É um saco quando entra em cena e o outro quer só aparecer, que quero que minha personagem apareça, quero aparecer por ter uma boa atuação, por saber jogar e manter o ritmo, não por ser bonita ou ser a estrela... Até as estrelas morrem.
Ainda tem mais duas apresentações... espero que todos nós possamops ser generosos e que as "estrelas"ajudem a iluminar quem iniciou o trabalho agora...

quinta-feira, abril 06, 2006

cara de pau

Cara de Pau é vc ter um monte de coisas pra fazer e, por ter um monte de coisas pra fazer, dá uma olhadinha no msn pra ver quem tá, ai bate um papinho e esquece o que tinha que ter feito...
Bom, pra descontrair, le uma piadinhas e repassa alguns e-mails de auto ajuda idiotas, só pq tá lá... aproveita.
Sempre faço alguma coisa sem importancia qunado sei que não vou dar conta de fazer oq eu preciso, ai fico ate´mais tarde, todo mundo vai embora, eu cnsigo pensar sem barulho e ainda por cima saio com a cara deslavada de quem trabalha além da conta heheh

terça-feira, abril 04, 2006

Teste de elenco


Bom, não consegui ser a noiva da capa... mas ainda acho que merecia heheh ah poxa acreditar na minha carreira de modelo de jardim é um direito meu não é?
Pois bem, outro teste me tirou o sossego no ultimo sábado, fui até a Uniso (univesidade de Sorocaba) fazer o teste do Khatarzis, surrupiei o texto da Dany em seu blog e na cara de pau apresentei, ate´ai tudo bem, o nivel da maioria era de se pensar, "senhor me acuda" então fiquei sossegada. Houve o primeiro corte e de uns 35 restaram 16, e eu no meio, já feliz da vida, ganhamos uma hora de intevalo, fui com alguns "concorrentes", não sei pq o povo tava tão preocupado com o numero de vagas e quantos iam ficar, eu tava tranquila comendo um super doblle habibs sem cheader e com batatas frita sem culpa, afinal a aula de expressão corporal havia sido puxada, quando percebemos que estavamos atrazados pra segunda parte do teste.

Correria, quinze minutos pra sair da fila do drive - o estacionamento fica inteligentemente localizado atrás do drive, chegamos e já havia começadol, aquele mico, mais uma bateria, e num é que na hora de anunciar os nomes o meu tava lá???
Fiquei feliz, o nivel dos que ficaram é bom, espero que eu esteja pelo menos assim...
que gostoso.

quinta-feira, março 30, 2006


Formigonhas

Nunca vi coisa igual!!! As formigas tomaram conta da minha casa, estão em toda parte. Primeiro vieram as minusculas, comendo os tijolos da cozinha, passando depois pro banheiro. Ontem declarei gurra enquanto tomava banho, pois agora chegaram umas formigonhas, enormes e vermelhas, elas ficam, indecentemente, passando suas bundas tanajuradas pelo azulejo. Comecei a compor teorias... Será que elas estão se comunicando? ou criando um rastro com fluidos anais para quando os soldados realmente chegarem? Oh meu Deus!!! Elas são batedores!!! O reino de Mordor está perto... Pois bem, ao menos elas espantaram as aranhas... mas esta foi outra guerra.

sexta-feira, março 24, 2006

O amor da minha vida!!!

Alguem tão igual a mim...
Meu Pai!!! Pai de verdade sabe? aquele cara que tá lá? é ele. Jamais vou conseguir esquecer o dia que liguei pra ele chorando porque não sabia se estava seguindo o caminho certo, se estava fazendo a faculdade certa e ele me disse: Minha filha, se você quiser largar tudo e fazer física, quimica ou qualquer outra coisa da sua vida você sabe que eu e tua mãe estaremos do teu lado. Isso me leva até hoje. Adorava contar piadas, interpretava com corpo e voz cada uma delas, adorava ver a gente feliz, adorava ter gente a seu redor, era um ganhador. Não por ter tido muitos bens, nem muito dinheiro, nem por ter sido um grande empreendedor, mas por lutar sempre, por não desistir, por ser humano, por amar e deixar ser amado.
Eu sabia que podia deitar minha cabeça sobre seu colo e chorar e dizer que era por nada, ele me acolhia... como sinto falta.`
É dificil escrever sobre ele, é confuso, tem tanta coisa pra ele fazer por aqui ainda...
Mas de espelho tenho ele, o amor da minha vida, verdadeiro e fiel a seus principios, eternamente desenvolvendo projetos e se virando, como a sauna caseira, que não chegou a concluir.
Comigo levo seu sorriso. Bom, o perfume não gosto de lembrar pq ele usava aquele maldito dimitri, que só de lembrar me embarga o estomago heheh
Mas felizmente uma coisa eu sei que ele levou, sabia que eu o amava, que nós o amavamos e ainda amamos...


Depois Melhora
(Musica de Luiz Tatit)
Sempre que alguem
Daqui vai embora
Doi bastante
Mas depois melhora
E com o tempo
Vira um sentimento
Que nem sempre aflora
Mas que fica na memória
Depois vira um sofrimento
Que corroi tudo por dentro
Que penetra no organismo
que devora
MAs depois tambem melhora
Sempre que alguem
Daqui vai embora
Dói bastante
Mas depois melhora
E com o tempo
Torna-se um tormento
Que castiga, deteriora
Feito ave predatória
depois vira um instrumento
De martirio duro e lento
Uma queda num abismo
Que apavora
Mas depois também melhora
E vira então
Uma força inexplicavel
Que deixa todo mundo
Mais amavel
Um pouco é consequencia
Da saudade`
Um pouco é que voltou
A felicidade
Um pouco é que tambem
Já era hora
Um pouco é pra ninguem
Mais ir embora
Vira uma esperança
Cresce de um jeito
Que a gente até balança
Enfim
As vezes dói bastante
Mas melhora
Enfim
É só felicidade
Aqui agora
É bom
É bom não falar muito
Que piora
Enfim
É só felicidade



"Grite o que tu pensas e o que tu sentes, essa vóz que não cala e que nunca calará, pois sempre estará aqui"
Eu... faz tres anos que Gelson Pereira Franco se foi... mas eu o escondo bem fundo em meu coração. e sempre o encontro.

terça-feira, março 21, 2006

La vie!!!

Relacionamentos são coisas complicadas. As vezes queremos estar bem e fazemos tudo errado, as vezes queremos deixar, mas o amor é maior. e tem aquelas em que o orgulho nos sufoca, nos amedronta por tras de uma máscara de que "tá tudo bem".
Passar por esses momentos sem levar consigo mais um nó é o mais difícil, pois a cabeça me ajuda martelar que a culpa é minha e que sou aquela da estória que tudo que toca vira ouro, sabe? e que não há o que fazer, o final é sempre estar só.
Mas nesse momento a gente sai pra rua, compra um pote de sorvete de creme com chocolate, bastante calda de morango e fica feliz denovo. Se não é por isso que vivemos, é pra que então?
Já perdi muito nessa vida, hoje só luto pra não me perder em meio a tantas escolhas que faço a cada dia, que começa pelo - abro o olho ou durmo mais cinco minutos? fico de pijama ou coloco uma roupa? pão com manteiga ou nutella? (tá bom to abusando, mas tem dias que escolho a manteiga...
É assim... Cést la vie! e se estiver errada a escrita me perdoem, escrevo mal português, imaginem o francês.

quarta-feira, março 15, 2006

Desvirginando...

Bom, comecei, ainda to meio perdida sem saber o qeu fazer. Na verdade eu tava sem sono, descobrindo o que é insonia e descobri esse brinquedo novo. Tá certo, eu sei que não é ovo nem nada, mas me sinto a velhinha no caixa eletronico... to meio perdida aqui... será que tem algum salva-vidas pra me ajudar?... to falando: DESASTRE A VISTA!!!!